O que é marketing digital?


O que é Marketing Digital?

Conheça sua definição, suas características e por que ele está intimamente ligado ao sucesso da sua empresa.

Entre diversas definições que podemos encontrar, gosto de entender o Marketing Digital como um conjunto de estratégias utilizadas para promover uma marca e aumentar seu relacionamento com clientes e com pessoas que tenham, ou possam vir a ter, interesse no seu produto ou serviço. Tudo isso através da internet. E a grande vantagem do marketing digital sobre o tradicional é que ele nos proporciona ferramentas e métodos para avaliarmos resultados em tempo real. E isso faz toda a diferença.

Essa é uma definição simplista. Mas se você nunca ouviu falar no assunto, pode começar por aí. Gostaria também de frisar uma palavra que pode ter passado despercebida à primeira leitura, mas que é fundamental para o sucesso da sua empresa nos dias de hoje: “relacionamento”. Segundo Kotler, o marketing passou por diversas eras como a da produção, das vendas, do marketing em si, até chegarmos na era atual, a do Marketing de Relacionamento.

Com tanta concorrência e informação ao alcance de todos, fica cada vez mais difícil se diferenciar. As pessoas esperam mais das empresas além de vender o produto X ou Y. Elas buscam proximidade, transparência, valores e relacionamento. Só depois disso vão optar por comprar, ou não. Um dado interessante sobre isso é que “60% do processo de compra já foi realizado antes mesmo de o consumidor entrar em contato com o vendedor” (fonte: Resultados Digitais). Logo, as equipes de vendas estão se preocupando muito mais em criar relacionamentos duradouros do que em vender a qualquer preço. Ou pelo menos deveriam estar.

Marketing de Relacionamento e a jornada de compra

Conforme falamos, a era do Marketing de Relacionamento exige que as empresas desenvolvam uma exímia competência para se relacionar. E este bom relacionamento deve percorrer todas as etapas do que chamamos de “Jornada de Compra” do cliente. Essa jornada nada mais é do que o caminho que ele percorre desde o começo do relacionamento com a sua empresa, momento em que muitas vezes ele nem imagina que precisa do seu produto ou serviço, até a etapa em que ele compra seu produto ou serviço de fato. Aqui, podemos ainda adicionar à jornada o pós-venda, que visa manter o relacionamento com o cliente mesmo depois da venda. Tecnicamente, dividimos a jornada de compra em 4 fases:

1ª fase - Aprendizado e descoberta

Esse é o primeiro estágio do seu possível cliente. Conforme mencionei acima, provavelmente ele nem sabe que precisa do seu produto ou serviço. Muitas vezes nunca ouviu falar da sua empresa. Ele começa a se interessar por determinado assunto e é neste momento em que o relacionamento se inicia. Para ficar mais claro, vou dar o exemplo fictício da Aline, que está terminando a faculdade e ouviu falar que é importante fazer um curso de especialização para ter mais chances no mercado de trabalho. Quando chega em casa, acessa o Google e começa a procurar diversas opções de cursos para fazer assim que se formar.

Se sua empresa vende cursos de especialização, agora é um bom momento para oferecer a ela um conteúdo de blog do tipo “10 vantagens em se especializar após a faculdade”. Como esse é um tema de interesse da Aline, ela poderá encontrar seu artigo através das buscas que fez, compartilhamentos nas redes sociais, entre outros canais online.

2ª fase - Reconhecimento do problema

Nesta fase, dando continuidade ao exemplo citado acima, Aline já se aprofundou um pouco mais sobre as vantagens de ser uma profissional especializada, mas ainda fica um pouco perdida com tantas opções existentes no mercado. Não sabe ao certo se é melhor fazer um curso a distância, se é mais produtivo investir em uma escola renomada em outra cidade, ou até mesmo se conseguirá reunir o investimento necessário para bancar a especialização. Um conteúdo que ajudaria a solucionar as dúvidas da Aline poderia ser: “Como escolher seu curso de especialização: 5 questões fundamentais para se levar em conta.”

3ª fase - Consideração da solução

A partir do passo anterior, Aline começa a ter em mente o tipo de curso que procura e quais opções com o perfil escolhido existem no mercado. Nesta fase da jornada de compra, é importante que a empresa apresente seu produto ou serviço como sendo uma boa solução para a necessidade apresentada pelo possível cliente. Para a Aline, seria interessante mostrar aquela pesquisa que indica que 40% dos profissionais mais bem-sucedidos em determinada área se especializaram na escola X.

4ª fase - Decisão de compra

Essa é a fase do xeque-mate. É o momento em que nossa protagonista tomará sua decisão. É hora de mostrar os diferenciais da sua empresa em relação aos concorrentes e convencê-la de que fazer o seu curso de especialização impulsionará muito mais a carreira dela do que o de outras escolas. Pode ser interessante dar um desconto na matrícula ou oferecer uma aula experimental sem nenhum custo. Enfim, ofertas que auxiliem na tomada de decisão.

Marketing Digital e o sucesso da sua empresa

Lembra que no começo do texto entendemos que o Marketing Digital era um conjunto de estratégias utilizadas para promover marcas e auxiliar no relacionamento, e que sua grande vantagem era proporcionar ferramentas que nos ajudam a mensurar resultados em tempo real através da internet?

Pois bem. São exatamente essas estratégias que irão definir o sucesso do relacionamento da sua empresa com seus possíveis clientes. E são essas ferramentas que irão auxiliar na assertividade das ações adotadas, extraindo o máximo de resultado de cada uma delas. De forma mensurável, segura, previsível  e rentável.

 

Fontes:
• Resultadosdigitais.com.br/
• Mzclick.com.br/marketing/

Postado em : 30/01/2018 12:08

Receba dicas e novidades

Últimas postagens